Grupo Dom Bosco: 2017

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Visita do padre Joaquim - FBMV

"Que vos peço eu? Nada em meu favor, tudo para a sua glória"

São Luis Maria Grignion de Monfort

Agradecemos ao padre Joaquim por ter estado conosco nos dias 13 a 18 de novembro atendendo as cidades de Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu, Ciudad del Este e Assunção.






*


Missa às escuras pois acabou a luz devido a um temporal


*












domingo, 19 de novembro de 2017

Sermões e conferências - Pe. Joaquim, FBMV

  • Conferência: Correctio filialis e o falso tradicionalismo (18/XI/2017).

  • Conferência: A proclamação da república (15/XI/2017).

  • Conferência: A Tradição Católica e a crise na Igreja (15/XI/2017).

  • Sermão do dia de São Josafá (14/XI/2017).

  • Sermão do dia de Santo Alberto Magno (15/XI/2017).

  • Sermão do dia de São Gregório Talmaturgo (17/XI/2017).

  • Sermão do dia da Dedicação da Igreja de São Pedro e São Paulo (18/XI/2017).

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Quarenta anos de fidelidade

- 40 anos de fidelidade ao sacerdócio -
Deo Gratias!

Parabéns, Monsenhor Faure!




http://nonpossumus-vcr.blogspot.com.br/2017/06/cuarenta-anos-de-fidelidad-la-tradicion.html



Oração de Santa Teresinha
"Aos Sacerdotes" - (30 de setembro de 1897)

" Ó Jesus, Sumo e Eterno Sacerdote, conservai os Vossos sacerdotes sob a proteção do Vosso Coração Amabilíssimo onde nada de mal lhes possa suceder.
Conservai ilibadas as suas mãos ungidas, que tocam todos os dias em Vosso Corpo Santíssimo. Conservai puros os seus lábios, tintos pelo Vosso Sangue Preciosíssimo.
Conservai puros e desapegados dos bens da terra os seus corações, que foram selados com o caráter sublime do Vosso Glorioso Sacerdócio.
Fazei-os crescer no amor e fidelidade para Convosco e preservai-os do contágio do mundo. Dai-lhes também, juntamente com o poder que tem de transubstanciar o pão e o vinho em Vosso Corpo e Sangue, o poder de transformar os corações dos homens. Abençoai os seus trabalhos com copiosos frutos e concedei-lhes um dia a coroa da vida eterna. Amém."

quarta-feira, 14 de junho de 2017

Visita do Pe. Joaquim - FBMV

Imagem relacionada

8 de junho - Paraguai

9 de junho - Paraguai

10 de junho - Foz do Iguaçu


11 de junho - Paraguai

14 de junho - Foz do Iguaçu 
Missa de Requiem





quinta-feira, 1 de junho de 2017

Excertos do livro Jesus Rei de Amor - Pe. Mateo Crawley


Os amigos que se tornaram... algozes.

                É as vezes penoso dizer certas verdades, mas é preciso que eu fale como apóstolo; devo ousar, sempre guardando a delicadeza requintada e o respeito que devo àqueles mesmo que eu viso neste parágrafo. Eu teria sido culpado de covardia, se falando dos pecados dos amigos, tivesse esquecido precisamente aquele que fez prorromper de lágrimas de dor e de santa indignação o Pontífice da Realeza de Jesus Cristo, Pio XI.

“Faço alusão ao pecado gravíssimo de imodéstia, de impudor cometido por um grande número de pessoas católicas, piedosas mesmo, diz o papa, e que... parecem ter esquecido o senso da alta delicadeza cristã, aceitando e seguindo certas modas que estão em oposição com as leis elementares do pudor cristão”.

Creio, ou antes, estou perfeitamente seguro de que a angústia do Vigário de Jesus Cristo a esse respeito, reflete exatamente a do Divino Coração, odiosamente ultrajado pelo pecado social, que desconhece um dos maiores Mandamentos, aquele que se refere diretamente à pureza do coração e dos sentidos.

(...) É de notar sobretudo que essa gangrena do impudor social já ganhou e corroeu a elite católica, a elite das nossas famílias,aquelas que tinham não somente a fé, mas também fortes tradições cristãs. Ah! ei-las vestidas, que digo despidas como as outras...  Para onde vai neste passo? Pois, não nos enganemos, impudor exterior e frivolidade interior são duas mascaradas do mesmo Carnaval de pecado, quer se queira quer não. Satanás, o “costureiro elegante” dos vestuários paganizantes, assim o quer, e assim se faz...

Desgraçadas de tantas moças que carregam consigo o peso esmagador de milhares e milhares de pecados que elas fizeram cometer, pelo simples fato de se apresentarem em público, nas ruas ou em outros lugares, com vestidos tão pouco, que elas não quereriam provavelmente morrer nesses trajes.

Desgraçadas daquelas mães que toleram e talvez aprovam, nas suas filhas moças, tais abusos e que pior ainda, despem as suas filhinhas, habituando-as assim inconscientemente a uma nudez que lhes parecerá muito natural mais tarde, quando vier a idade em que essa questão de pudor será muito delicada...

E essas mães se revoltam com as observações dos seus Vigários; e essas mães pretendem saber mais que os Bispos e Confessores, e, falando de suas filhinhas, dirão mesmo, oh! Que aberração! Que tudo o que se diz sobre isso supõe uma malícia que elas não possuem! ... Meu Deus, que cegueira!

(...) Pobre Jesus! É em teu nome, em nome de tua lei divina que se ordena, e tapam-se os ouvidos do coração. Mas é a moda... e tudo está  bem, tudo é legítimo, permitido, tudo... até mesmo, ó Rei, esbofetear-Te!

(...) Pensai Naquele que vai julgar-vos segundo o seu código e não segundo os vossos caprichos e consoante o gosto das modistas... Hoje, dais de ombros, tendes um sorriso de desprezo e de despeito...  Pois bem, amanhã, soluçareis, mas será tarde demais... A imodéstia é uma chama de inferno; desgraçadas daquelas que, longe de apaga-la, lançam-se nela e arrastam as outras, em vez de usarem da sua influência para remediar um mal tão grande!
Não falo aqui daquelas mulheres mundanas por educação, sem nenhuma, ou quase nenhuma base cristã. Dirijo-me àquelas que são visadas pelo anátema do Papa, às famílias tradicionalmente cristãs e piedosas, arrastadas como as outras nessa avalanche de lama e paganismo. (...)

(...) Essa falta de amor profundo, de verdadeiro amor, é a única explicação satisfatória do conflito de que falamos, e que não é assunto secundário, de detalhe, mas um grave problema de pureza familiar e social. Daí, dessa anemia do coração, é que vem essa contradição chocante, escandalosa, que é o fato de se ver uma cristã que usa, sobre um decote absolutamente incorreto, uma medalha da Virgem Imaculada, ou um pequeno Crucifixo de ouro, o qual representa então verdadeiramente, Jesus no seu calvário moderno...

Ó Rainha Imaculada, pela glória de nosso Rei Jesus, faze um milagre, maior que em Lourdes, no meio das famílias católicas... Mãe puríssima, rasga o véu que obscurece a vista de tantas mulheres (...). Mas para que elas sejam corajosas para consigo mesmas, contra a sua vaidade e as exigência culposas de um mundo que desconhece a santidade do Evangelho, digna-te, ó Mãe do Belo-Amor, colocar nas suas almas mais que uma simples centelha, uma chama ardente daquela caridade forte como a morte, que as fará vitoriosas e livres das loucuras de um mundo corrompido e corruptor... E que então, amando o teu Jesus e amando-te a ti, Virgem Imaculada, não com uma veleidade piedosa, mas com um coração profundamente cristão,elas sejam na família e na sociedade, pela sua modéstia, um exemplo da observância integral da lei... Abre os seus olhos, Mãe puríssima, Esposa sem mancha, e faze que refloresçam nessas famílias os lírios de candura e inocência de outrora....   

Jesus, Rei de amor – P. Mateo Crawley-Boevey
* Grifos nossos.

MODELOS DE CATOLICISMO PARA AS MENINAS, MOÇAS E SENHORAS

... O céu é para os fortes! ...


Santa Maria Goretti


***

Jacinta de Fátima

***

Santa Bernadette Soubirous


***

Santa Joana D'arc


***

Santa Teresinha do Menino Jesus



***
Zélia Martin (Mãe de Santa Teresinha)

quarta-feira, 31 de maio de 2017

Junho - Mês do Sagrado Coração


Ternos afetos ao Coração de Jesus

Amável Coração do meu Salvador, sois a sede de todas as virtudes, fonte de todas as graças, fornalha ardente onde se abrasam de divino amor todas as almas santas; vós, o objeto de todas as complacências de Deus; Vós, o refúgio dos aflitos e morada das almas que vos amam. Ó Coração digno de reinar sobre todos os corações e lhes possuir o amor, ó Coração ferido na Cruz pela lança dos meus pecados, e desde então presente continuamente sobre nossos altares sempre ferido, mas pela lança do amor que me destes: ó Coração que amais tão ternamente os homens, e deles sois tão pouco amado, remediai vos mesmo tão grande ingratidão, inflamando nossos corações com ardente amor para convosco. Ah! não poder eu percorrer o mundo, para publicar as graças, doçuras, tesouros, que prodigalizais aos que vos amam deveras! Aceitai o desejo que tenho de ver todos os corações inflamados de amor para convosco. Ó Coração divino, sede a minha consolação nas penas, o meu repouso nos trabalhos, o meu alivio nas angustias, o meu porto nas tempestades. Consagro-vos o meu corpo e a minha alma, o meu coração, vontade, vida, e tudo o que sou. Uno aos vossos todos os meus pensamentos, afetos e desejos. Eterno Pai, ofereço-vos os afetos puríssimos, do Coração de Jesus: se os meus rejeitais, os do vosso Filho não podeis rejeitar, pois ele é a santidade mesma; supram eles o que me falta e agradável me façam aos vossos olhos. 

As mais belas Orações de Santo Afonso


                                                        
Resultado de imagem para sacre coeur de jesus

Prezados,
seguem abaixo algumas sugestões de virtudes para serem praticadas em cada dia do mês do Sagrado Coração de Jesus. 

Jesus, Manso e humilde de Coração, fazei o nosso coração semelhante ao vosso.

***

Virtudes para cada dia do Mês do Sagrado Coração

domingo, 21 de maio de 2017

JESUS, REI DE AMOR


Pe. Mateo Crawley-Boevey

A ENTRONIZAÇÃO
Em que consiste - Sua importância - Sua prática. 

Em que consiste

A Entronização pode definir-se: o reconhecimento oficial e social da soberania do Coração de Jesus sobre uma família cristã.

Reconhecimento afirmado, tornado sensível e permanente pela instalação solene da imagem desse Coração divino no lugar de honra e pelo ato de consagração. 

Foi o próprio Deus de misericórdia que disse: que, sendo a fonte de todas as bênçãos, Ele as distribuiria em abundância em todos os lugares onde fosse colocada a imagem do seu Coração para ser amada e honrada.

Disse ainda: “Eu reinarei apesar dos meus inimigos e de todos aqueles que se quiserem opor”.

A Entronização não é então outra coisa senão a inteira realização do conjunto dos pedidos feitos pelo Sagrado Coração em Paray-le-Monial e das promessas magníficas que acompanharam esses pedidos. 

Padre Mateo

Digo o conjunto, porque a família a santificar é o objetivo transcendente de todos esse apostolado: célula social, ela deve ser o primeiro trono vivo do Rei de amor. 

Para transformar, para salvar de novo o mundo, é preciso que o Natal se perpetue, que o Emanuel, o Jesus do Evangelho habite sempre entre nós. 
É preciso, para chegar-se ao Reino Social de Jesus Cristo, retomar a sociedade pela base e refazer a família cristã.

É pela família que se afirma e se mede o valor de um povo. O povo vale o que vale a família.

sábado, 13 de maio de 2017

Centenário de Fátima


Imagem relacionada

"A 13 de maio de 1917, domingo, a Virgem Maria aparecia em Fátima, cerca do meio dia, aos três pastorzinhos. "Vimos sobre um a azinheira uma Senhora vestida toda de branco, mais brilhante que o sol, espargindo luz mais clara e intensa que um copo de cristal cheio de água cristalina, atravessado pelos raios do sol mais ardente". Depois de um breve diálogo, que poderíamos chamar de apresentação, a Virgem Maria desenvolve a sua mensagem: "Quereis oferecer-vos a Deus para suportar todos os sofrimentos que Ele quiser enviar-vos, em ato de reparação pelos pecados com que Ele é ofendido e de súplica pela conversão dos pecadores?".

-"Sim, queremos" - respondeu Lúcia em nome dos três.

-"Ides, pois, ter muito que sofrer, mas a graça de Deus será o vosso conforto". "


Cruzada do Coração de Maria

Resultado de imagem para jacinta lucia e francisco


segunda-feira, 8 de maio de 2017

1964: Os brasileiros rezam o Rosário e Nossa Senhora expulsa o comunismo do Brasil

Em 1964, no Brasil, o presidente João Goulart tentava organizar a passagem de seu país para o comunismo, segundo o modelo de Cuba. Ele conseguira infiltrar tanto os cargos importantes quanto as escolas e universidades da maior parte do país
Todavia, durante quase todo o ano precedente, o Padre Patrick Peyton, da Congregação de Santa Cruz, havia pregado uma cruzada do Rosário, percorrendo o país afim de convencer os fiéis a voltarem-se para Nossa Senhora. O povo se lembra disso no momento de perigo. Os primeiras pessoas a mobilizarem-se foram as mulheres brasileiras, desfilando pelas ruas da cidade rezando o terço. Uma vez, na cidade de Belo Horizonte, elas (em número de três mil) impediram uma conferência de Leonel Brizola, representante de Cuba, invadindo a sala onde ele devia falar; todas elas rezando o Rosário. Ao sair, Brizola encontra as ruas igualmente cheias, a perder de vista, de mulheres em oração. E ele deixa a cidade com, no bolso, um dos discursos mais incendiários de sua carreira… o qual ele não pôde pronunciar.
Em 13 de março, Goulart decreta a mudança da Constituição, a abolição do congresso e a confiscação das indústrias e das fazendas.
Isso desencadeia uma reação por parte das mulheres. O texto seguinte foi propagado em todo o Brasil: “Este país imenso e maravilhoso, com o qual o bom Deus nos presenteou, está num perigo extremo. Nós permitimos que homens de uma ambição sem limites, desprovidos de toda fé cristã e de todo escrúpulo lançassem nosso povo na miséria, destruíssem nossa economia, perturbassem nossa paz social, semeassem o ódio e o desespero. Eles infiltraram nossa nação, nossas administrações, nosso exército, e até nossa Igreja, com os servos de um totalitarismo que nos é estranho e que destruiria tudo o que possuímos. (…) Santa Mãe de Deus, protegei-nos do destino que nos ameaça, e afastai de nós os sofrimentos infligidos às mulheres martirizadas de Cuba, da Polônia, da Hungria e das outras nações reduzidas à escravidão”.
Novas e grandiosas “marchas do terço” foram organizadas em todo o país, das quais participaram homens, mulheres e jovens, enquanto Luiz Carlos Prestes, líder do Partido Comunista Brasileiro, provocava-os, dizendo: “O poder, nós já o temos”.
Mas, pouco a pouco, o presidente se sente pressionado de todas as partes. Os governadores dos estados, os deputados, os generais do exército, um por um, separaram-se dele. No dia 26 de março, para salvar o país, os militares tomam o poder, sem derramar sequer uma gota de sangue. Goulart e os líderes comunistas dos sindicatos fogem.
Em 2 de abril toda a população do Rio e das redondezas estava na rua para uma gigantesca marcha de oração, a qual foi uma apoteose de ação de graças a Nosso Senhor e Nossa Senhora.
Em julho, o Padre Valério Alberton, Promotor das Confrarias Marianas do Brasil1, vai a Fátima agradecer à Santíssima Virgem a salvaguarda de seu país. “Nós vencemos graças a Nossa Senhora do Rosário”, declara ele. “É a mensagem de Fátima, posta em prática no Brasil, o que nos salvou”. […] O repetidos apelos à oração e à penitência, segundo o espírito de Fátima, revivem a fé, que move montanhas, e o impossível se realiza: o milagre de uma guerra vencida sem nenhuma gota de sangue. O comando contrarrevolucionário previa ao menos três meses de luta intensa. Ora, uma força, humanamente falando inexplicável, faz desmoronar, como um castelo de cartas, todo o dispositivo militar, paciente e diabolicamente edificado durante muitos anos. A evidência da graça é tamanha que todos ficam convencidos de que tudo aquilo não tinha explicação humana. Os chefes militares e civis da contrarrevolução são quase unânimes em atribuir esta vitória a uma graça especial da Santíssima Virgem. Muitos declaram que o Rosário foi a arma decisiva” (Voz de Fátima, outubro 1964)2.
Notas:
1 – Durante os acontecimentos, essas confrarias haviam inscritos 200.000 homens e pessoas jovens em seus registros, verdadeiro exército pacífico a serviço de Nossa Senhora.
2 – Estas informações foram recolhidas em um suplemento em “Defense du Foyer”, nº especial de primavera, 1965.
Revista dos Dominicanos de Avrillé: Le Sel de la Terre
Tradução Sr. Renato

Uma recordação importante: Com respeito ao Santo Rosário, a Irmã Lúcia disse em 1957 ao Padre Fuentes: “Olhe, Senhor Padre, a Santíssima Virgem, nestes últimos tempos em que vivemos, deu uma nova eficácia à recitação do Rosário, de tal maneira que não há nenhum problema, por mais difícil que seja, seja ele temporal ou sobretudo espiritual, na vida pessoal de cada um de nós, das nossas famílias, das famílias do mundo ou das comunidades religiosas, ou até da vida dos povos e das nações, que não possa ser resolvido pelo Rosário. Não há problema, digo-lhe, por mais difícil que seja, que não possamos resolver, rezando o Santo Rosário. Com o Santo Rosário salvar-nos-emos , santificar-nos-emos, consolaremos a Nosso Senhor e obteremos a salvação de muitas almas .”.



sábado, 6 de maio de 2017

Mês de Maio - Mês de Nossa Senhora


 Assim como os devotos de Maria têm por costume obsequiá-la cada dia de manhã, ao meio dia e de tarde; em cada mês dedicar-lhe o primeiro sábado, e celebrar com particular devoção as suas festas; assim de todo o ano pareceu-lhes mui razoável o destinar-lhe um mês inteiro, a que chamam mês marial ou de Maria.

    E, porque em matéria de oferta deve sempre preferir-se o ótimo, destinam-lhe o mais belo dos meses, que na Europa é o de Maio (...), cuja florescente e fagueira amenidade convida a coroar de místicas flores a grande Rainha do céu.  

    A praxe desta devoção não é menos religiosa que agradável pela sua variedade. Na própria casa, e naquele quarto onde costuma reunir-se a família para rezar, ou em alguma igreja ou oratório, expõe-se uma devota imagem de Maria, adornando-a de flores e velas, conforme for possível.

Manual das filhas de Maria

***

DEVOÇÃO A SANTÍSSIMA VIRGEM

Se queremos ser abençoados da Santíssima Virgem, procedamos para com ela com a ternura de um filho para com sua Mãe.

I- O filho gosta de saudar sua Mãe. Saudemos a Maria, rezando muitas vezes a saudação angélica. A prática ordinária desta devoção consiste

1.º em rezar três Ave-Marias todos os dias, de manhã, e à noite, em honra da Imaculada Conceição da Santíssima Virgem, para ser preservado de todo o pecado, sobretudo da impureza; 

2.º rezar o Angelus de manhã, ao meio-dia, e ao anoitecer; 

3.º em saudar a Maria por Ave-Maria cada vez que se ouve o relógio dar horas;

4.º em repelir por uma Ave-Maria todas as tentações, que sobrevêm; esta oração põe em fugida o demônio;

5.º rezar o terço todos os dias. Oh! quanto este exercício agrada a Maria, principalmente quando é praticada em comum, na família!

II- O filho tem prazer em visitar sua Mãe. Também todos os servos de Maria tem costume de visitar frequentemente e com muita piedade as imagens e igrejas consagradas à sua honra.

III. O filho folga com pronunciar o nome de sua Mãe. O nome de Maria é, para os seus servos fiéis, alegria para o coração, (...) melodia para o ouvido. Santa Brígida ouviu um dia o Senhor prometer à sua Mãe Santíssima que quem invocasse o seu nome, penetrado de confiança e com propósito de se emendar, receberia três graças especiais, a saber: perfeito arrependimento dos pecados, meios para satisfazer a justiça divina, e força para chegar à perfeição, e, além disto, a glória do paraíso. 

IV. O filho de coração bem formado não se envergonha da sua Mãe; ufana-se de trazer sobre si a libré dela. Ora, as librés da Rainha do céu são os seus santos escapulários.

V. Tal filho se compraz o costume de recordar os trabalhos que padeceu a sua Mãe para lhe salvar a vida. Jesus promete quatro graças especiais aos que invocam esta divina Mãe pelas suas dores:

1.º conceder-lhes-á fazerem, antes da morte, uma sincera penitência dos seus pecados;

2.º protegê-los-á nas suas tribulações, mormente na hora da morte;

3.º imprimirá neles a memória da sua Paixão, e lhe dará a recompensa no céu;

4.º com as suas próprias mãos os colocará nas de Maria, para que deles disponha ao seu bel-prazer e lhes alcance quantas graças quiser.

VI. Faz mais o filho digno deste nome: escolhe certos dias para dar à sua Mãe provas mais notáveis do seu amor. O filho de Maria escolherá especialmente o sábado de cada semana, as sete festas anuais da Senhora, e o mês de maio.

VII. Ama as reuniões de família que se fazem em roda duma querida Mãe. Tais são as Congregações da Santa Virgem e Associações de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

VIII. Enfim, é da natureza imitar o filho à sua Mãe. Pelo que, se amamos a Maria, devemos procurar imitá-la, por ser esta a mais gloriosa homenagem que lhe podemos oferecer (cf. Saint-Omer, O Filho de Maria).


As mais belas orações de Santo Afonso

Adquira já o seu!

* O livro "MÊS DE MAIO" já está disponível. 

Interessados entrar em contato pelo e-mail:


Valor: R$ 12,00 (+ frete)